Após perder para o Grêmio por 1 a 0, pela sexta rodada do Campeonato Brasileiro, o foco do Atlético se volta agora para a Copa Sul-Americana. O alvinegro fará o jogo de volta contra o La Calera, nesta terça-feira, no Independência, e, ao contrário do primeiro confronto, o técnico Rodrigo Santana promete força total em busca da classificação.

“Vamos buscar a classificação desde o primeiro minuto. Entraremos com o time completo, titularíssimo. Quem estiver muito bem, vai para o jogo”, adiantou Santana, logo após a derrota em Porto Alegre. Ele quer ver o “time voando” contra os chilenos, já que o Galo precisará vencer por dois gols de diferença.

Santana lamentou a postura do time no primeiro tempo contra o Grêmio, ao fazer “uma marcação baixa o tempo inteiro”. Quando estava com a bola, pecava na transição, “desfazendo-se rapidamente dela”. Segundo ele, o time tinha que ter proposto mais o jogo. “Não era ideia nossa jogar só na defesa”, explicou.

Santana observou que o Atlético tinha que estar preparado para roubar a bola e ter força para fazer a superioridade. “Acabamos não colocando muita ênfase nisso. Foi o que me chateou”, registrou o treinador, que também demonstrou preocupação com o posicionamento da defesa em lances de bola parada – o gol do Grêmio saiu numa cobrança de escanteio.