A festa da despedida do goleiro Rogério Ceni, do São Paulo, lotou o Morumbi na noite desta sexta-feira (11), mas para ter condições de atuar no confronto festivo, o ídolo do clube precisou se empenhar bastante. Após o confronto, o agora aposentado contou ter enfrentado treinos com dores, sessões de fisioterapia e noites mal dormidas nos dias que antecederam o adeus do futebol.

Ceni atuou 30 minutos como goleiro e mais 45 na linha no jogo entre campeões mundiais em 1992 e 93 contra os campeões de 2005. O dono da festa levou gol, marcou um de pênalti e saiu de campo emocionado. "Estou bastante cansado. Nos últimos dias tive bastante atividade com o São Paulo, além de muitos eventos e fisioterapia. Saí do Morumbi nas ultimas noites sempre depois da 1h da manhã", contou.

O ex-goleiro concedeu entrevista coletiva na madrugada de sábado (12), mais de uma hora após o jogo. Nesse ínterim Ceni precisou fazer tratamento com gelo para não sentir dores e poder participar neste sábado e no domingo de jogos com torcedores no estádio do Morumbi. Serão quatro partidas, com a presença de 88 são-paulinos. Cada um pagou cerca de R$ 5 mil para participar.

A ruptura no tendão tíbio-fibular do pé direito sofrida em 28 de outubro impediu o goleiro de jogar outras partidas oficiais desde aquela data e a lesão continua a incomodar. "Ainda sinto muitas dores, até para jogar foi difícil. Estou tratando a minha lesão há 40 dias, estou fora de forma. Fiz dois treinos de 30 minutos nos últimos dias e não consegui jogar um jogo oficial", comentou.

Até o dia 15 de dezembro Ceni terá compromissos com o São Paulo. O último será o trabalho de guia no passeio de torcedores pelo estádio do Morumbi. A programação de eventos e reuniões para decidir detalhes do jogo de despedida tomaram o tempo dele nos últimos dias.

"Nenhuma noite de segunda-feira para cá eu consegui dormir mais de quatro horas, inclusive a última. Meus familiares vieram do Mato Grosso para cá e chegaram tarde de viagem", disse. Após a terça, ele estará de férias e promete viajar para descansar.