Sérgio Santos Rodrigues, sérgio santos, presidente cruzeiro
 

 

O Cruzeiro tem um novo presidente. Em eleição realizada nesta quinta-feira, na sede social do Barro Preto, o advogado Sérgio Santos Rodrigues, conselheiro nato do clube, foi eleito para o "mandato tampão" até dezembro deste ano. Rodrigues ficará à frente da Raposa no período final do triênio 2018/2020, que deveria ter sido cumprido por Wagner Pires de Sá, forçado a renunciar no fim do ano passado por suspeita de gestão temerária e pela queda do time azul à Série B do Campeonato Brasileiro.

A vitória de Sérgio Santos Rodrigues foi confirmada antes mesmo da apuração de todas as urnas, dado que o candidato já havia recebido quantidade de votos inalcansáveis por Granata. 

Ao lado de Sérgio chegam à presidência do clube também os conselheiros Lidson Potsch Magalhães, 1º vice-presidente, e Biagio Teodoro Peluso, 2º vice-presidente.

Comemoração

Sérgio Santos Rodrigues, derrotado justamente na eleição que colocou Pires de Sá na presidência, em 2017, agora vence o 2º vice da chapa do antigo presidente. Ronaldo Granata, que cortou relações com o Wagner e seus demais diretores antes mesmo do início da gestão passada, acabou pressionado a assinar também o pedido de renúncia em dezembro de 2019 por não tê-lo feito antes por livre e espontânea vontade. 

"Com muita honra e uma enorme alegria, encaro o maior desafio da minha vida: a Presidência do Cruzeiro. Comprometo-me a colocar em prática tudo que propus e farei todo o possível para que o clube retorne ao seu devido lugar de destaque", disse Sérgio, que prometeu trabalhar muito neste momento complicado do clube.

"Contarei com os melhores profissionais em nossa equipe, com os colaboradores do clube e conto sobretudo com essa imensa e apaixonada torcida. Muito obrigado pelo apoio de grande parte da torcida, conselho, sócios, funcionários, patrocinadores, amigos, dos meus companheiros de chapa, minha família e de todos incentivadores. Que Deus nos ilumine e que venha o centenário. Vamos em frente, Nação Azul!", finalizou em postagem no Twitter.

Apuração

Em dia com as obrigações no clube, 424 conselheiros dentre efetivos, natos e beneméritos estavam aptos a votar. Porém, 351 compareceram às urnas para eleger o novo presidente do Cruzeiro e o presidente do Conselho Deliberativo.

A votação final apontou 269 votos para a chapa "Centenário", de Santos Rodrigues, contra 74 da chapa "Cruzeiro Primeiro", de Ronaldo Granata. 

A partir do dia 1º de junho o advogado, oficialmente, será o novo presidente da Raposa. Até lá acompanhará os últimos dias de trabalho do Conselho Gestor, que passará o bastão em 31 de maio.