No início dos anos 1970, no momento em que a Ditadura Militar brasileira mais usou o futebol como propaganda política, foi criado o Torneio General Emílio Garrastazu Médici, popularmente chamado de Torneio do Povo. Isso porque a competição, que teve a primeira edição em 1971, reuniu os clubes de maior torcida nos quatro principais estados do nosso futebol. Os participantes foram Flamengo (Rio de Janeiro), Corinthians (São Paulo), Atlético (Minas Gerais) e Internacional (Rio Grande do Sul). Pesquisa Datafolha divulgada nesta terça-feira (17), pelo jornal “Folha de São Paulo”, mostra que uma reedição do Torneio do Povo de 1971 teria de mudar os representantes mineiro e gaúcho.

No caso de Minas Gerais, o levantamento, que ouviu 2.878 pessoas, todas com mais de 16 anos, em 175 municípios brasileiros, entre 29 e 30 de agosto, revela que o Cruzeiro tem 4% da massa torcedora brasileira contra 2% do Atlético.

No Rio Grande do Sul a diferença não é tão grande, pois o Grêmio supera o Internacional por 4% a 3%.

arte

CLIQUE PARA AMPLIAR

Apesar de a pesquisa mostrar o Cruzeiro com o dobro de torcedores do Atlético, isso é apenas um indicativo, pois a margem de erro para o número absoluto de torcedores é de dois pontos percentuais, para mais ou para menos. Além disso, foram entrevistadas pessoas apenas a partir dos 16 anos.

Regiões

Das cinco regiões brasileiras, os dois clubes mineiros aparecem na relação de clubes mais votados apenas em duas delas. A maior massa torcedora logicamente está no Sudeste, onde se localiza Minas Gerais. Nesta região, o Cruzeiro tem 8% dos torcedores, segundo o levantamento do Datafolha, e ocupa a quarta posição, perdendo apenas para Corinthians (18%), Flamengo (17%) e São Paulo (11%). O Atlético aparece na sexta colocação, com 5%.

A outra região em que Raposa e Galo foram citados em grande número por entrevistados é a Centro-Oeste, e isso se deve principalmente pelo grande número de mineiros ou descendentes em Brasília. O Cruzeiro aparece com a sexta torcida, com 2%, ao lado do Santos. O Atlético tem 1%.

arte2

CLIQUE PARA AMPLIAR

A margem de erro dos torcedores no Sudeste é de 3% para mais ou para menos. No Centro-Oeste ela é de 6%.

Pela pesquisa, o Flamengo tem a maior torcida brasileira, com 20%. O Corinthians ocupa a segunda colocação, com 14%. Confira os principais números da pesquisa Datafolha divulgada nesta terça-feira pelo jornal “Folha de São Paulo”.