O carioca Bruno Guimarães, de 22 anos, que joga no Lyon (França) é o mais novo convocado de Tite para a seleção brasileira que entra em campo na próxima sexta-feira (13) contra a Venezuela, pela segunda rodada das Eliminatórias Sul-Americanas da Copa do Mundo do Catar 2022.  O meia-campista vai substituir Casemiro, do Real Madrid, que testou positivo para o novo coronavírus (Covid-19) e terá de cumprir quarentena. O anúncio da convocação foi feito por meio de nota oficial da Confederação Brasileira de Futebol (CBF), horas depois de o Real Madrid confirmar a contaminação do brasileiro Casemiro e do belga Hazard.

O jogador do Lyon estava na lista de suplentes de treinador Tite. Bruno Guimarães foi relacionado pelo técnico André Jardine da seleção olímpica, que disputará este mês dois jogos preparatórios na data Fifa.

Os 24 convocados já se apresentam na próxima segunda-feira (9) para iniciar a preparação física na Granja Comary, em Teresópolis (RJ).  O Brasil enfrenta a Venezuela na sexta (13), no Estádio do Morumbi, na capital paulista, e quatro dias depois duela com o Uruguai, no Estádio Centenário, em Montevidéu. 

Sem Casemiro, chega a cinco o número de jogadores cortados da lista original de convocados, anunciada no último dia 23. Já deixaram o elenco Philippe Coutinho, do Barcelona (Espanha), Fabinho, do Liverpool (Inglaterra), e Rodrigo Caio, do Flamengo, os três lesionados, além de Éder Militão, do Real Madrid, diagnosticado com Covid-19.

Leia Mais:
Convocado pela Bolívia, Marcelo Moreno estará na torcida pelo Cruzeiro contra o Guarani
Uma história que poderia ser diferente: toda a trajetória do Atlético x Flamengo no Mineirão
Zaracho fica de fora da lista da Argentina para duelos contra Paraguai e Peru, e reforça o Atlético