Apesar da eliminação nas quartas de final da Eurocopa, os jogadores da seleção da Islândia tiveram uma recepção digna de campeões no retorno ao país nesta segunda-feira. Desfilaram em carro aberto e foram saudados por milhares de torcedores que lotaram as ruas da capital Reikiavik.

Estreante na competição, a Islândia surpreendeu a todos quando avançou em segundo lugar no Grupo F, com uma vitória e dois empates. Somou os mesmos cinco pontos da líder Hungria. Nas oitavas de final, ganhou de vez a simpatia dos torcedores ao eliminar a favorita Inglaterra por 2 a 1.

Nas quartas, não teve forças para segurar a França, seleção anfitriã, e sucumbiu com uma goleada por 5 a 2. O revés, no entanto, não desanimou os torcedores do país, que contaram com o presidente recém-eleito, Gudni Johannesson, nas arquibancadas.

Na festa realizada na capital do país, os jogadores subiram também em um palco, onde comandaram novamente a coreografia que ficou famosa na Eurocopa com o "grito viking" seguido por batidas de palmas simultâneas.

As semifinais da Eurocopa começam na próxima quarta-feira, às 16h, com o duelo entre País de Gales e Portugal. Na quinta-feira, no mesmo horário, se enfrentam as seleções da França e da Alemanha. A decisão está marcada para domingo.

Assista: