Uma das sensações do atual time do São Paulo, próximo adversário do Atlético na Série A, o atacante Luciano esteve na mira dos mineiros em 2019, quando o diretor executivo ainda era Rui Costa. Buscando um centroavante de origem no mercado, a antiga diretoria do Galo procurou o Fluminense e também os agentes do jogador de 27 anos, mas acabou perdendo a concorrência para o Grêmio.

Na época, inclusive, Luciano chegou a ser aguardado em Minas Gerais para fazer exames e assinar com o clube mineiro. Contudo, acreditar na palavra de um dos agentes e também num possível acordo verbal com o próprio jogador foi erro cometido pela diretoria atleticana na época, que acabou vendo o destino do atacante ser Porto Alegre.

“É uma equipe muito grande que disputa várias competições e chega em todas. Optei por esse desafio porque tem grandes jogadores, um técnico que a gente nem precisa falar. Fiquei feliz também pelo contato do Atlético, mas pesou na hora a escolha pelo Grêmio”, disse o jogador ao ser apresentado no Sul do país.

Sem sucesso no Grêmio, Luciano acabou anunciado no último 18 de agosto pelo Tricolor Paulista, comandado por Fernando Diniz. Em dez dias, ele já havia feito dois gols e ajudado o novo time a conquistar pontos importantes no Campeonato Brasileiro.

Nesta quinta-feira (3), Atlético e São Paulo se enfrentam às 20h, no Mineirão, em partida válida pela sétima rodada da competição mais importante do país.