O primeiro técnico a comentar em entrevista o duelo entre Cruzeiro e River Plate-ARG nas oitavas de final da Copa Libertadores foi o argentino Marcelo Gallardo, comandante da equipe de Buenos Aires.

Na opinião de Gallardo, começar o mata-mata logo contra uma equipe forte é bom.

“Sobre o sorteio, havia comentado que não tinha uma preferência especial por nenhuma equipe. Acredito que é bom começar com uma equipe forte, pelo menos pelo que representa a mim e a mensagem que passa. Queria uma equipe forte para começar, porque sempre é bom se preparar para começar com tudo. Vamos ter a pré-temporada e vamos nos preparar sabendo que vamos enfrentar uma equipe forte. Isso nos coloca bem”, disse.

O River Plate terminou na segunda colocação do Grupo A da fase de grupos da Libertadores. Os argentinos somaram 10 pontos, quatro a menos que o Internacional, líder da chave.

A entrevista de Marcelo Gallardo aconteceu logo após o River Plate ter sido eliminado da Copa da Superliga Argentina pelo Atlético Tucumán, nas quartas de final. O adversário da Raposa na Libertadores até venceu a partida de volta por 4 a 1, no Monumental de Núñez, mas como havia sido derrotado por 3 a 0 na ida, acabou ficando fora da competição.