Restou ao técnico interino do São Paulo tentar salvar o ano conturbado do clube e buscar a vaga na Copa Libertadores nas rodadas finais do Campeonato Brasileiro. Mas, no que depender do retrospecto, a torcida pode confiar no trabalho de Milton Cruz. Dos quatro diferentes comandantes do time no ano, é ele quem tem o melhor aproveitamento, quando entre a saída de Muricy Ramalho e a chegada de Juan Carlos Osorio conquistou 70% dos pontos.

É nesse retrospecto que o clube se apoia para conseguir chegar ao G4 e minimizar as frustrações de um ano marcado pela crise política, renúncia do presidente Carlos Miguel Aidar, problemas financeiros e falta de títulos. A participação do interino será novamente decisiva na reta final, assim como foi no primeiro semestre, quando também decidiu pelo time nas retas finais do Campeonato Paulista e da Copa Libertadores.

Entre abril e maio, Milton Cruz disputou dez jogos e somou sete vitórias e três derrotas. O aproveitamento de 70% supera os registrados pelos outros três treinadores que passaram pelo São Paulo nesta temporada, mas sem o mesmo rótulo de interinos. Muricy ganhou 60% dos pontos, Osorio conquistou 51% e Doriva, saiu do cargo na última semana após sete jogos e 33% de aproveitamento.

O atual treinador é funcionário do clube há 21 anos e desde 1999 acumula várias passagens como comandante do time. "Ele fala muito com a gente e não só de futebol, mas do dia a dia, das famílias. Ele é um cara excelente, conhece o clube há muito tempo. Quem sabe podemos dar a volta por cima e conseguir a classificação para a Libertadores", afirmou nesta segunda-feira o lateral-direito Bruno.

Nas quatro rodadas finais do Brasileiro o interino tem como problema esperar o retorno do goleiro Rogério Ceni. Lesionado no pé direito, o jogador de 42 anos não vai enfrentar o Atlético-MG, nesta quinta-feira, e deve ficar fora também do clássico com o Corinthians, no domingo. "Precisamos de um resultado positivo para nos aproximarmos de uma vaga na Libertadores e, por isso, peço o apoio do torcedor. Mais uma vez, assim como em muitos jogos da temporada, a presença da torcida será fundamental", disse.