Agora é oficial. O Comitê Olímpico Internacional (COI) adiou, nesta terça-feira (24), as Olimpíadas e Paralimpíadas de Tóquio 2020 para até meados de 2021 por causa da pandemia de coronavírus. A decisão foi tomada após Shinzo Abe, primeiro ministro japonês, e Thomas Bach, presidente do COI, discutirem o assunto, por teleconferência, nesta terça-feira (24).

A possibilidade adiamento já tinha sido levantada há duas semanas quando alguns países haviam se negado a enviar suas delegações ao Japão em meio à pandemia da Covid-19. Mesmo que controlada até julho, o isolamento social tem atrapalhado o treinamento dos atletas. 

olimpiadas


O evento estava marcado para acontecer entre os dias 24 de julho e 9 de agosto. Apesar do adiamento, o nome Tóquio 2020 permanecerá como marca do evento. A nota oficial não informa uma nova data para os Jogos, mas destaca que poderão acontecer entre o fim deste ano e o verão de 2021.

"Nas atuais circunstâncias, e com base nas informações fornecidas hoje pela OMS, o Presidente do COI e o Primeiro Ministro do Japão concluíram que os Jogos da XXXII Olimpíada de Tóquio devem ser remarcados para uma data posterior a 2020, mas o mais tardar no verão de 2021, para proteger a saúde dos atletas, todos os envolvidos nos Jogos Olímpicos e na comunidade internacional", informa, em nota, o Comitê Olímpico Internacional.

Esta é a primeira vez que as Olimpiadas são adiadas. O cancelmaento dos Jogos aconteceu em três oportunidades: 1916 (Berlim), 1940 (Tóquio) e 1944 (Londres), por causa da Primeira e Segunda Guerras mundiais.

A pandemia já atinge mais de 390 mil pessoas no mundo, segundo o levantamento da universidade Johns Hopkins, e deixou mais de 17 mil mortos.

 

Aguarde mais informações!