O calendário de 2020 do futebol mineiro será fechado neste sábado (20), com Tombense e Uberlândia disputando às 11h, no Estádio Independência, a Recopa relativa à última temporada.

Essa disputa estava prevista para acontecer, originalmente, após o Módulo I do Campeonato Mineiro do ano passado.

Felipe goleiro TombenseDestaque do Tombense no vice-campeonato mineiro no ano passado, o goleiro Felipe segue como uma das referências do time da Zona da Mata

Mas por causa da pandemia pelo novo coronavírus, isso se tornou impossível, até pelo surto que enfrentou o Uberlândia na reta final da sua participação no Troféu Inconfidência.

O título da Recopa Mineira será em jogo único. Em caso de empate, o campeão será conhecido em cobranças de pênaltis.

Inicialmente, seriam duas partidas, mas a pandemia, que provocou problemas financeiros nos clubes e jogos com portões fechados, levou Tombense, Uberlândia e FMF ao acordo para que o Independência receba o confronto único.

O time de Tombos se classificou para a Recopa como campeão do interior no Módulo I de 2020, quando foi vice-campeão perdendo o título para o Atlético.

O Tombense fez a melhor campanha da fase classificatória do Estadual e eliminou a Caldense nas semifinais, em confronto que foi também uma decisão do título do interior.

Já o Uberlândia, o sexto no Módulo I 2020, se qualificou como campeão do Troféu Inconfidência. O time do Triângulo Mineiro faria a decisão do torneio com o Cruzeiro, mas como teve um surto de Covid-19 em seu grupo de jogadores, não teve como jogar a final. E a Raposa abriu mão da taça para o adversário.

Times

Sensação do Módulo I do Campeonato Mineiro 2020, o Tombense terá a mesma base na temporada 2021. Uma ausência significativa é o meia Ibson, ex-Flamengo, que deixou o clube, mas destaques como o goleiro Felipe, ex-Santos, e o centroavante Rubens, artilheiro do último Estadual, com sete gols, seguem no Gavião Carcará, que tem como uma de suas apostas o atacante Keké, ex-Figueirense.

No Uberlândia, as atrações são o goleiro Marcão, ex-Caldense, e o centroavante Reis, revelado pelo Tupi e que tem história no interior mineiro.

A FICHA DO JOGO

TOMBENSE
Felipe; David, Matheus Lopes, Ramon e João Paulo; Lucas Falcão, Marquinhos e Everton Galdino; Rodrigo Porto, Rubens e Keké. Técnico: Bruno Pivetti

UBERLÂNDIA
Marcão; Everton, Maílson, Bruno Maia e Gilmar; Felipe Recife, Lucas Paranhos e Nikolas Farias e Filipe Ramon; Luizinho e Reis. Técnico: Tuca Guimarães

DATA: 20 de fevereiro de 2021
HORÁRIO: 11h
LOCAL: Independência
MOTIVO: Decisão da Recopa Mineira
ARBITRAGEM: Ronei Cândido Alves, auxiliado por Marcus Vinícius Gomes e Leonardo Henrique Pereira