A revolta de torcedores com a realidade do Cruzeiro e toda a crise que gira em torno do clube chegou a mais um capítulo neste domingo (6), em um evento que traz a marca da agremiação. Alguns dele, incluindo o ex-supervisor da equipe de atletismo da Raposa, Alexandre Minardi, protestaram contra a diretoria celeste e, em especial, o ex-diretor-geral Sérgio Nonato, que pediu demissão nesta semana.

Minardi esteve presente na Corrida do Cruzeiro, realizada neste domingo, na Pampulha, e, juntamente com outros cruzeirenses, exibia uma faixa com os dizeres “Vocês acabaram com a melhor equipe de atletismo do Brasil e das Américas, alegando que não tinha R$ 30 mil. Fora, Sérgio Nonato. Vergonha!”.

Sérgio Nonato deixou o cargo de diretor-geral na última sexta-feira (4). O nome dele é citado entre os escândalos nos bastidores do clube. 

Torcedores levaram outras faixas na Corrida do Cruzeiro pedindo a saída de membros da diretoria celeste. Uma delas dizia “Fora, Serginho, Wagner e Itair Machado. Cruzeiro não é cassino”.

Cruzeiro

Alexandre Minardi foi demitido no início desta temporada por dito, antes da Corrida de São Silvestre do ano passado, que Sérgio Nonato havia dado fim à equipe de atletismo, fato confirmado no começo de 2019.