O estrago na avenida Teresa Cristina, devido ao temporal que caiu sobre Belo Horizonte na noite desta sexta-feira (24), afetou moradores e comerciantes que vivem ou trabalham nas imediações de uma das principais vias da capital.

Durante uma ida ao local na manhã deste sábado (25), a reportagem do Hoje em Dia encontrou um verdadeiro clima de desespero e caos. Numa mecânica, a água tomou conta da parte interna e o prejuízo ainda é incalculável.

Leia mais:

Confira quais ruas e avenidas estão interditadas em BH neste sábado

Dois alagamentos em três horas levam prejuízos a moradores da região da Silviano Brandão

 

De acordo com Venilton Barbosa, irmão do proprietário, ao abrir o estabelecimento, antes das 6h, o que se viu foram carros e motos boiando e muita lama. Triste com a situação, ele cobra que a prefeitura seja mais atuante na localidade e que ouça mais os moradores.

Em protesto às constantes inundações do rio Arrudas, moradores fizeram um protesto neste sábado. A Teresa Cristina foi interditada nos dois sentidos porque a população queimou pneus e pedaços de madeira na avenida. A PM foi acionada para o local.