A tranquilidade do Atlético pode ser a tranquilidade do Cruzeiro. Essa é a principal marca da 33ª rodada da Série A do Campeonato Brasileiro, que começa a ser disputada neste sábado (16) e só será encerrada na próxima segunda-feira (18).

O Galo será o primeiro a entrar em campo e contará com a torcida cruzeirense. Isso porque encara o Fluminense, time que abre a zona de rebaixamento, às 19h deste sábado, no Maracanã.

Se vencer, o time de Vagner Mancini chega aos 43 pontos e afasta qualquer possibilidade de rebaixamento, sendo que as chances, neste momento, são muito pequenas. Neste momento, segundo o site Probabilidades no Futebol, mantido pelo Departamento de Matemática da Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG), é de apenas 1,3% a chance de queda do Atlético.

arte

CLIQUE PARA AMPLIAR

De toda forma, afastar qualquer risco dará tranquilidade para o time encarar as cinco rodadas finais. E quem sabe até mesmo sonhar com uma vaga na Copa Libertadores, sendo que isso foi destacado pelo técnico Vagner Mancini na sua entrevista coletiva desta sexta-feira (15).

Uma derrota do Fluminense dá ao Cruzeiro a chance de abrir quatro pontos da zona de rebaixamento caso vença o lanterna Avaí, às 20h desta segunda-feira (18), no Mineirão, na partida que fecha a 33ª rodada do Campeonato Brasileiro.

Avanço

Uma vitória sobre o Fluminense fará com que o Atlético possa avançar até duas posições na classificação. Uma, com certeza, pois ele ultrapassará Goiás ou Vasco, que se enfrentam segunda-feira, às 19h30, em São Januário, no Rio de Janeiro.

Com os três pontos no Maracanã neste sábado, o Galo pode superar ainda o Bahia, mas ele terá de ser derrotado pelo vice-líder Palmeiras, neste domingo (17), às 16h, na Fonte Nova, em Salvador.

O Cruzeiro também pode ganhar, no máximo, duas posições. Para isso, além de vencer o Avaí, terá de contar pelo menos com empates de Ceará e Botafogo, que jogam neste domingo, às 18h.

Os cearenses encaram a vice-lanterna Chapecoense, na Arena Condá, em Chapecó. Os cariocas têm um desafio mais complicado, pois encaram o Athletico-PR, que é sexto colocado, na Arena da Baixada, em Curitiba.