Dias diferentes e objetivos ainda mais distintos. Assim será a participação de Atlético e Cruzeiro na 11ª rodada da Série A, que começa neste sábado e termina na próxima segunda.

Primeiro a entrar em campo, o Cruzeiro encara o Bahia, às 17h deste sábado, na Fonte Nova, tentando encerrar o jejum de sete rodadas sem vitória.

O desempenho ruim, pois nos últimos 21 pontos conquistou três, aproveitamento de 14%, fez com que a Raposa entrasse na zona de rebaixamento.

O Z-4 pode ser deixado neste sábado até com um empate, e o time de Mano Menezes saberá se isso é possível quando entrar em campo, pois depende do resultado de Vasco x Fluminense, que jogam às 11h, em São Januário, mas o mais seguro é vencer.

Além de assegurar a saída do Z-4, ela dará tranquilidade ao time que vive maratona nas duas copas que disputa, pois é semifinalista da Copa do Brasil e inicia na próxima terça-feira, diante do River Plate, da Argentina, em Buenos Aires, as oitavas da Libertadores.

Terceiro lugar

O Atlético recebe o Fortaleza, neste domingo, às 16h, no Independência, defendendo sua permanência no G-4 da Série A, mas mirando também uma subida na tabela, pois o time, que é quarto colocado, pode tomar a terceira posição do Flamengo, que no mesmo horário encara o Corinthians, em São Paulo.
Para isso, o Galo precisa vencer e contar pelo menos com um empate do rubro-negro.

Além do Flamengo, estão à frente do Atlético no G-4 Santos e Palmeiras. E eles também jogam fora de casa, o que pode permitir uma aproximação alvinegra.

O líder Palmeiras encara o Ceará, às 19h deste sábado, no Castelão. O Santos, que é segundo colocado, joga às 11h deste domingo, no Engenhão, contra o Botafogo, adversário do Galo na próxima quarta-feira pelas oitavas da Copa Sul-Americana.

Times

Com o início das oitavas da Copa Libertadores na próxima terça-feira, quando encara o River Plate, da Argentina, em Buenos Aires, o técnico Mano Menezes escala um time totalmente reserva e cheio de garotos diante do Bahia.

Apenas o volante argentino Ariel Cabral, que ficou de fora da derrota de 2 a 0 para o Atlético na última quarta-feira por lesão, estará em campo. As atrações entre os jovens são o lateral Weverton, o zagueiro Cacá, o volante Éderson e o meia Maurício.

No Atlético, Rodrigo Santana decide neste sábado a equipe que entra em campo para encarar o Fortaleza, no Independência.

Como o time defende sua permanência no G-4 e a partida de ida das oitavas da Copa Sul-Americana, contra o Botafogo, será na próxima quarta-feira, a tendência é que ele escale um time forte.

Em relação ao time que venceu o Cruzeiro na última quarta-feira, o volante Jair e o meia Otero, com desgaste muscular, dificilmente encaram os cearenses. Com isso, Zé Welison e Luan devem voltar ao time titular.

N/A

Digite aqui a legenda