Pelo que depender da Williams, a adaptação de Felipe Massa a sua nova equipe deverá ser rápida. A partir desta terça-feira, o brasileiro voltará a ser colega de trabalho do inglês Rob Smedley, seu engenheiro nos oito anos em que defendeu a Ferrari. A contratação já era aguardada desde o fim de 2013, mas só foi confirmada nesta terça.

Na Williams, o inglês não será o engenheiro de Massa, papel a ser ocupado por Andrew Murdoch, mas terá contato constante com o piloto. Ele será o responsável por avaliar a performance dos carros da equipe, função recém-criada pela direção do time. Smedley vai se juntar ao time oficialmente pouco antes do GP do Bahrein, em abril.

"A chegada de Smedley vai fortalecer o trabalho na pista e no desenvolvimento da equipe na fábrica para melhorar a performance do carro durante toda a temporada", afirmou a Williams, em nota. Na prática, o inglês vai auxiliar os engenheiros de Massa e do finlandês Valtteri Bottas.

Amigo de Massa, Smedley recebeu muitos elogios do piloto em sua despedida da Ferrari no fim de 2013. O brasileiro atribuiu sua evolução na Fórmula 1 ao trabalho em conjunto com o inglês. Por conta da proximidade dos dois, a contratação de Smedley pela Williams já era cotada desde o anúncio da saída de Massa da equipe italiana.

Apesar da amizade com o brasileiro, o inglês acabou ficando mais famoso pela polêmica frase dita a Massa por rádio, no GP da Alemanha de 2010: "Fernando está mais rápido que você". O aviso foi interpretado como uma ordem para que o brasileiro cedesse seu lugar ao companheiro espanhol Fernando Alonso.

REFORÇOS - A contratação de Smedley se soma a outros reforços da área técnica, na tentativa da Williams de reviver seus melhores momentos na F1. Nos últimos dias, a equipe anunciou também o brasileiro Felipe Nasr como seu novo piloto reserva e a britânica Susie Wolff como piloto em desenvolvimento, além de parcerias com a Petrobrás e o Banco do Brasil.

"A Williams está passando por mudanças e estas novas contratações refletem nossas altas ambições", afirmou o diretor técnico Pat Symonds. "Temos um bom número de pessoas experientes se juntando a nós para ajudar na buscas de nossos objetivos. E eu estou muito empolgado pela chegada desses reforços".