Reformulando seu corpo técnico após a campanha decepcionante na Fórmula 1 em 2016, a Williams anunciou mais um reforço nesta quinta-feira (16). Trata-se do sul-africano Dirk de Beer, com passagem pela Ferrari, para ser o novo chefe de aerodinâmica da equipe britânica, que tem o brasileiro Felipe Massa como principal piloto.

De Beer ocupou o mesmo cargo na Ferrari entre 2013 e o ano passado. Antes, exercera a função na Renault. "Estamos felizes em contar com alguém com tão vasta experiência como Dirk", afirmou Claire Williams, a segunda no comando da Williams.

Leia mais
McLaren e Honda apostam em mudanças radicais para voltar a vencer na F-1
Ex-Red Bull assume aerodinâmica da Renault e fala em colocar equipe no topo


"Após tantos anos atuando como chefe de aerodinâmica na F-1, seu conhecimento e expertise técnica serão sem dúvida um grande reforço para o time continuar se esforçando, na busca por resgatar a Williams no grid", afirmou a filha do fundados da equipe, Frank Williams.

As mudanças na Williams fazem parte da reestruturação do corpo técnico da equipe, após uma temporada na qual o time foi apenas o quinto colocado no Mundial de Construtores, vindo do terceiro lugar nas duas temporadas anteriores.

A chegada de De Beer, que começará a trabalhar no dia 1º de março, deve ser acompanhada de outro reforço de peso. O engenheiro Paddy Lowe, que era um dos principais líderes da poderosa Mercedes, deve ser anunciado nas próximas semanas pela Williams.