O Sada Cruzeiro está eliminado da Superliga Masculina de Vôlei. Em duelo no poliesportivo do Riacho, em Contagem, o Itapetininga-SP venceu o time celeste por 3 sets a 2, de virada, com parciais de 15-25, 18-25, 25-21, 25-23 e 18-16, e fechou o playoff de quartas de final por 2 a 0.

A queda da Raposa se torna ainda mais surpreendente não só pela história recente do time estrelado, multicampeão, mas pelo desempenho das equipes na primeira fase da competição.

Com 20 vitórias em 22 jogos, o Sada Cruzeiro foi a melhor equipe da etapa de classificação.

Já os paulistas, com oito vitórias e 14 derrotas, terminaram na oitava colocação, a última que garantia vaga no mata-mata.

Outro fator que valoriza o feito do Itapetininga é fato de que as duas partias do playoff terem sido disputadas em Contagem, em razão das restrições impostas pelo governo de São Paulo.

Na semifinal, o time paulista vai encarar outra equipe mineira, dessa vez o Fiat Minas, que passou pelo Blumenau, também com duas vitórias.

Outros mineiros

Sexto colocado na fase de classificação, o Uberlândia foi eliminado pelo Campinas, terceiro melhor na etapa inicial, em dois jogos duros, vencidos por pelos paulistas por 3 sets a 2.

Quem segue vivo na disputa é o Montes Claros América, sétimo melhor classiciado, que enfrenta o Taubaté, vice-líder da primeira fase, nesta quinta-feira, às 16h30, no ginásio Tancredo Neves, em Montes Claros.

Na primeira partida, no interior paulista, os donos da casa levaram a melhor por 3 sets a 0.