O feriado da Semana Santa foi menos violento nas estradas mineiras, mas houve registros de mais acidentes e mortes nas rodovias estaduais em relação a 2017. Onze pessoas perderam a vida de quinta-feira (29) a domingo (1º de abril), segundo a Polícia Militar Rodoviárianas (PMRv), três a mais do que os números registrados em 2017.

O número de feridos também subiu. Enquanto 2017 registrou 99 acidentes com vítimas não fatais, este ano foram 103 ocorrências, subindo de 181 para 186 feridos.

Já nas rodovias federais, de acordo com o balanço divulgado na tarde desta segunda-feira (2) pela Polícia Rodoviária Federal (PRF), quatro pessoas morreram nas rodovias federais, índice quase cinco vezes menor do que no ano anterior, quando foram registradas 18 mortes. Enquanto neste ano foram registradas 101 acidentes, no ano anterior o número de ocorrências foi de 146.

Segundo a PRF, colaboraram para essa redução, a direção mais consciente dos motoristas e o número pequeno de colisões frontais, que na maioria das vezes resulta em feridos e mortos.

Durante os quatro dias, foram aplicadas 8.738 multas por excesso de velocidade e outras 592 por ultrapassagens proibidas. Ao todo, 5.524 veículos foram fiscalizados. Quanto aos testes com bafômetros, foram 3.650, que resultaram em 61 autuações e 10 prisões.

Leia mais:
Feriadão termina com mais de 100 acidentes e quatro mortes nas rodovias federais de Minas
Acidentes congestionam estradas na volta do feriado
Rodovias federais com movimentação intensa na volta do feriado da Semana Santa