INFLAÇÃO

Sega anuncia coletânea com os quatro primeiros games de 'Sonic' por salgados R$ 215

Marcelo Jabulas
@mjabulas
22/04/2022 às 08:42.
Atualizado em 22/04/2022 às 10:06
 (Sega/Divulgação)

(Sega/Divulgação)

Nada como um longa-metragem para colocar uma franquia em foco novamente. Depois do sucesso de “Sonic 2” nos cinemas, a Sega iniciou uma ofensiva para faturar com a imagem do ouriço azul. A produtora japonesa acaba de abrir pré-venda para “Sonic Origin”, uma coleção com quatro títulos publicados entre 1991 e 1994. São jogos lançados no Mega Drive e no Sega CD.

E se a cotação de Sonic está elevada, o preço da brincadeira também não é barata. A coletânea tem preço salgado, partindo de R$ 215 na edição padrão, e pode chegar a R$ 240 na versão Deluxe, que agrega texturas de fundo, músicas e outras quinquilharias.

 Mas fato é que os melhores games da série estão na coleção partindo do episódio de estreia, “Sonic: The Hedgehog”, assim como “Sonic 2”, “Sonic 3: Knuckles” e “Sonic CD”.

 A Sega aponta que os games foram remasterizados para se ajustar ao padrão de resolução dos novos consoles, televisores monitores. Nada de inovador, todos os estúdios que reeditam games antigos precisam aplicar filtros para deixar os títulos mais polidos nos aparelhos atuais.

 Para fãs de games antigos é uma boa pedida, apesar de muito caro. Isso porque é possível, durante a jogatina, acompanhar como a série evoluiu. Nos quatro episódios é possível notar mudanças de jogabilidade e até mesmo experimentalismos com fases tridimensionais, que vão além do clássico plataforma 2D.

 Modo Aniversário

 O pacote também inclui atualizações de jogabilidade e itens colecionáveis. Uma das novidades é que o jogador pode jogar nos modos Clássico e Aniversário. O primeiro é o game original, com enquadramento 3:4, sem filtros e com número de vidas limitadas.

 Já o segundo aplica tela cheia e dá ao jogador vidas infinitas. A molecada de hoje não entende a lógica de ter que reiniciar no meio do caminho porque as vidas acabaram e muito menos a graça de ir o mais longe possível sem usar o “Continue”.

Compartilhar
Ediminas S/A Jornal Hoje em Dia.© Copyright 2022Todos os direitos reservados.
Distribuído por
Publicado no
Desenvolvido por