Quatro pessoas da mesma família morreram depois que um carro superlotado bateu de frente com uma carreta. O acidente, que deixou outros três feridos graves, aconteceu na BR-354, em São Gotardo, na região do Alto Paranaíba.

De acordo com a Polícia Militar Rodoviária (PMRv), o motorista do Fiat Palio perdeu o controle da direção na altura do km 350, rodou na pista, invadiu a contramão e atingiu o veículo de carga que seguia no sentido contrário. O caso foi registrado por volta das 21h desse domingo (22).

No momento do acidente, o Palio transportava sete pessoas, sendo que o limite máximo permitido para este veículo é cinco. Por causa do impacto da batida, quatro vítimas - uma mulher de 36 anos e os filhos dela, de 5, 17 e 19 anos - morreram na hora. 

O motorista do carro, um homem de 39 anos, contou que seguia de Santa Rosa da Serra para São Gotardo quando começou a garoar. Por causa da pista molhada, ele perdeu o controle da direção e atingiu a carreta. Além do condutor, outras duas pessoas, de 11 e 14 anos, também ficaram gravemente feridas. 

O motorista da carreta, de 60 anos, saiu ileso do acidente. Aos militares, ele contou que não conseguiu evitar o acidente.

Arma e socorro

Os três feridos graves foram socorridos por ambulâncias e levados para o Hospital de Pronto-Socorro de São Gotardo. Lá, os médicos descobriram que o motorista do Palio estava com uma arma calibre .32 na cintura. O revólver não era registrado. A PM informou que não foi possível prender o suspeito devido aos ferimentos que ele apresentava.

Também por causa gravidade do estado de saúde das vítimas, todas foram transferidas para o Hospital de Patos de Minas. Já os corpos de mãe e filhos foram removidos para o Instituto Médico-Legal (IML) de Patos de Minas.

O caso foi registrado na Delegacia de São Gotardo e o acidente será investigado pela Policia Civil.