A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) autorizou nesta quarta-feira (7) o início da aplicação de doses em voluntários nos estudos realizados pelo Instituto Butantan com sua nova vacina com tecnologia brasileira contra a Covid-19, a ButanVac.

Com isso, o Intituto Butantan poderá iniciar a Etapa A das fases 1 e 2 dos estudos, que terá a participação de 400 voluntários. No total, nas fases 1 e 2, está prevista a aplicação de doses em 6 mil voluntários.

butanvac
O início dos estudos da ButanVac foi aprovado no dia 9 de junho pela Anvisa

A Fase 1 dos ensaios clínicos do novo imunizante começa nesta sexta-feira (9), com a vacinação de um grupo de voluntários no Hemocentro de Ribeirão Preto, centro de pesquisa vinculado à Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto da Universidade de São Paulo, que é responsável pela parte inicial do estudo.

O início dos estudos da ButanVac foi aprovado no dia 9 de junho pela Anvisa. Representantes da agência cobraram do Instituto Butantan dados sobre os procedimentos de testagem para a autorização da nova fase.

As informações pendentes foram fornecidas e, com isso, a equipe técnica da agência considerou que a aplicação de doses já pode ter início.

Leia Mais:
Por risco de Covid, Justiça afasta funcionárias grávidas do Hospital Odilon Behrens, em BH
Moradores de 44 anos serão vacinados contra a Covid nesta quinta-feira em Ribeirão das Neves