O fim de semana em Belo Horizonte voltará a registrar altas temperaturas, como vem ocorrendo desde o fim de setembro e o início deste mês. De acordo com o Climatempo, a previsão é que, assim como nesta sexta-feira (2), a máxima de sábado (3) seja de 37°C. No domingo (4), existe a possibilidade de o clima estar mais “ameno”: 32°C.

Na segunda-feira (5), os 32°C devem permanecer e, na terça (6), a tendência é que haja um novo aumento, indo para 35°C.

Nesta sexta, houve pico de 37°C por volta das 14h, segundo aponta gráfico do site do Climatempo. 

A onda de calor dos últimos dias ainda não foi capaz de quebrar um novo recorde na capital mineira. No dia 22 de outubro de 2015, os termômetros apontaram temperatura de 37,7° C.

Até quando?

De acordo com o Climatempo, a temperatura deve abaixar a partir do dia 10 ou 11 de outubro, quando são esperadas mudanças na circulação dos ventos sobre a América do Sul, quebrando o bloqueio que tem impedido a chegada de frentes frias ao interior do Brasil.

Segundo a meteorologista Josélia Pegorim, parte deste calor é “natural”. “Estamos no começo na primavera. Bem diferente de maio e junho, quando entramos no outono e estávamos indo para o inverno, com menor insolação. Desde agosto começamos a ter bloqueios; apenas uma frente fria muito forte passou pelo Brasil. Em setembro, fortes correntes de vento começaram a bloquear as frentes frias no Uruguai e no Rio Grande do Sul. Elas eram desviadas para o mar. O ar polar não estava tendo força para penetrar pelo interior do país", descreveu.

“Vamos ver um enfraquecimento a partir de 10, 11 e 12 de outubro. Já não teremos onda de calor tão intensa. No dia 13, a expectativa é que essa onda de calor esteja mais confinada no Nordeste. Não significa que não teremos calor na segunda quinzena de outubro. As temperaturas vão continuar altas, mas dentro de um calor normal, e não extremo como observado no final de setembro e começo de outubro", complementou.