Um vereador de Pedro Leopoldo, na Região Metropolitana de Belo Horizonte, foi detido suspeito de agredir a ex-mulher. Segundo a Polícia Militar, na noite dessa quarta-feira (7), o parlamentar, de 47 anos, teria ido até a casa da ex-mulher e começado uma discussão com uma das filhas do casal. A mulher tentou conter a briga. 

Muito nervoso e aparentando estar bêbado, segundo a PM, o homem começou a gritar que não iria dividir os bens com a mulher. Ele chegou a fazer ameaças, dizendo que a mataria. Ele também tentou agredir a ex com socos e tapas, mas foi contido pelas filhas. 

Para fugir das agressões, a mulher se trancou no banheiro, mas o vereador tentou forçar a entrada e chegou a dar golpes de faca na porta. Ainda conforme o boletim de ocorrências, o casal está em processo de separação e foi necessário usar algemas para controlar o vereador.

Ele foi conduzido para a delegacia de plantão de Pedro Leopoldo, onde foi ouvido e liberado, segundo a assessoria da Polícia Civil.

Uma ocorrência de ameaça foi registrada, mas a ex-mulher e as filhas não quiseram fazer uma representação contra ele. Ainda de acordo com a PC, elas foram orientadas a pedir uma medida protetiva, mas também se negaram.