Após quase cinco horas de total interdição, a LMG-808, em Contagem, na Grande BH, foi liberada na tarde desta segunda-feira (28). A rodovia foi bloqueada por dezenas de pessoas que ocupavam um terreno particular no bairro Tupã e realizaram um protesto.
 
A intenção do grupo era acordar uma reunião entre o prefeito e o líder dos protestantes, que serão obrigados a deixar o terreno até a próxima sexta-feira (1°) devido à uma medida judicial de reintegração de posse. Para bloquear a via, eles atearam fogo em madeiras e pneus. O Corpo de Bombeiros foi ao local para apagar as chamas, mas ninguém se feriu. 
 
Os manifestantes foram cadastrados pela prefeitura, mas, mesmo assim, a ordem de despejo terá que ser cumprida.
 
Por meio de nota, a Prefeitura de Contagem informou que o terreno é particular, está em uma Área de Proteção Ambiental (APA) e também Permanente. Além disso, esclareceu que, caso ele fique ocupado, pode colocar em risco a Lagoa Vargem das Flores. Toda a assistência às famílias será prestada.