Mais um suspeito de assalto em Belo Horizonte foi agredido por pedestres logo após roubar uma pessoa. Nesta quarta (29), um adolescente de 14 anos foi detido por transeuntes que passavam pelo Centro da capital mineira.

Segundo a Polícia Militar, depois de ter a correntinha de ouro arrancada do pescoço na rua Espírito Santo, um homem de 54 anos começou a gritar "Pega, ladrão".

O menor tentou escapar, mas foi parado depois de se chocar com um carro. Quem estava no local, segurou e agrediu o adolescente até que militares chegassem para atender a ocorrência.

Os policiais levaram o jovem com ferimentos leves para a Unidade de Pronto-Atendimento (UPA) Centro-Sul e em seguida para a delegacia.

Mais um caso

Este é o terceiro caso de agressões a suspeitos de roubos desde o início da semana. Na segunda (27), um homem de 37 anos foi agredido por populares depois de assaltar duas mulheres no bairro Ipiranga, região Nordeste da cidade.

O homem, que teve as mãos e os pés amarrados, sofreu ferimentos leves e foi levado para Upa do bairro Ipiranga. Após ser medicado, ele foi encaminhado para a Central de Flagrantes da Polícia Civil (Ceflan 1).

Também na segunda, outro assaltante, de 18 anos, foi detido por pessoas que o viram roubar o caixa de uma padaria no Bairro Glória, região Noroeste da cidade, com uma faca.

Segundo a PM, o jovem ameaçou clientes e funcionários do comércio e levou R$ 410. Ao tentar fugir a pé ele foi alcançado por pessoas que o seguiram, derrubado e entregue à militares que passaram pelo local.

A Polícia Militar recomenda que não se reaja a assaltos, especialmente quando o bandido está armado.