Desde a última segunda-feira (1º), data em que entrou em vigor o decreto que permitiu a reabertura das atividades não essenciais na capital mineira, até este domingo (7), cinco estabelecimentos foram interditados e três foram multados por não cumprirem normas da Prefeitura de Belo Horizonte.

Neste período, segundo a Secretaria Municipal de Política Urbana, os fiscais da prefeitura fizeram 311 vistorias. 

Comércio, academias, museus, clubes, entre outras atividades, estão autorizados a funcionar. Foi permitido novamente o consumo de bebidas alcoólicas em bares e restaurantes, entre 11h e 22h. 

Já o consumo de produtos dentro das padarias e lanchonetes está autorizado entre 5h e 22h.

Os estabelecimentos que descumprirem as medidas de combate à Covid-19 estarão sujeitos a interdição e multa no valor de R$ 18.359,66.

A Secretaria Municipal de Política Urbana informou que as fiscalizações foram intensificadas na cidade com todo o efetivo da Guarda Municipal em apoio às ações dos fiscais de Controle Urbanístico e Ambiental.