Uma mulher de 37 anos foi levada para o hospital em estado grave após sofrer várias facadas na noite de sábado (28), em Ribeirão das Neves, Região Metropolitana de Belo Horizonte. O principal suspeito do crime é o companheiro dela, com quem vivia há mais de 20 anos. Ele foi preso.

De acordo com o boletim de ocorrência, o homem de 46 anos relatou que passou o dia fazendo uso de bebida alcoólica e, em determinado momento, sua companheira lhe deu tapas e socos no rosto. Ele, então, teria ido à cozinha e pegado uma faca, com a qual deu vários golpes.

Vizinhos socorreram a vítima até o Hospital São Judas Tadeu. Lá, o médico que a atendeu, afirmou que foi preciso fazer um procedimento de drenagem, porque as facadas atingiram os dois pulmões da mulher – uma das facadas por pouco não atingiu o coração. Um golpe feriu a mão esquerda, atingindo o tendão, e houve perfurações também nas costas e nas pernas.

O companheiro da vítima tentou fugir, mas policiais militares o viram em uma rua do bairro Porto Seguro que dá para uma mata. As roupas do suspeito estavam sujas de sangue. Ele foi encaminhado à Delegacia de Plantão de Ribeirão das Neves.

Leia mais:

Mulher morre após ser esfaqueada no pescoço pelo companheiro em Jaboticatubas
Homem é preso após tentar esfaquear a companheira dentro de shopping popular
Homem incendeia casa de manhã e tenta matar namorada com golpes de machado à noite