Os móveis e as paredes de um apartamento foram parcialmente queimados após um incêndio, iniciado na rede elétrica de uma rua, ter se alastrado para o imóvel, no bairro Monsenhor Messias, na região Noroeste de Belo Horizonte, na madrugada desta segunda-feira (22).

De acordo com o Corpo de Bombeiros, solicitantes informaram que o fogo teve início por volta das 4h40, após um curto-circuito na fiação de eletricidade de média tensão da via. Quatro viaturas da corporação foram para o local para atender o caso.

Não houve vítimas, mas as chamas invadiram o apartamento e destruíram móveis e objetos. Os militares conseguiram controlar o incêndio e normalizar a situação na área. Além disso, a Cemig foi acionada para desligar a rede. 

 

Curto-circuito

A Cemig informou, em nota, que o curto-circuito que atingiu o imóvel teve origem na rede externa e a causa do defeito segue sendo apurada pela companhia.

Segundo a empresa, equipes estiveram no local e realizaram os reparos necessários, concluindo o serviço por volta das 6h da manhã desta segunda-feira e não há clientes sem luz devido à ocorrência.

Questionada se o consumidor afetado pode ser ressarcido devido ao curto-circuito, a empresa enviou uma nota. Leia:
 
"Nos casos de queima de aparelhos, para solicitar o ressarcimento dos danos, o titular da unidade consumidora (ou seu representante legal) pode cadastrar solicitação por meio do Cemig Atende Web (cemigatende.com.br - Opção Ressarcimento de Danos), telefone 116 ou agência/posto de atendimento mais próximo - nesse caso, o cliente deve agendar o atendimento no portal cemig.com.br".

Leia mais:
Menina de 5 anos é morta por tiro acidental disparado por sobrinho de 4 anos em João Pinheiro
Enem será reaplicado nesta terça e quarta-feira
Chuvas estragam doses de vacina contra a Covid-19 em Itabira