Aplicação do reforço da AstraZeneca é suspensa por falta de doses em Esmeraldas, na Grande BH

Luiz Augusto Barros
@luizaugbarros
14/10/2021 às 09:35.
Atualizado em 05/12/2021 às 06:03
 (Miva Filho/SES-PE)

(Miva Filho/SES-PE)

A aplicação da segunda dose da AstraZeneca, vacina contra Covid-19, foi suspensa por tempo indeterminado em Esmeraldas, na Região Metropolitana de Belo Horizonte (RMBH), por falta de vacinas. O anúncio foi feito pela prefeitura nessa quarta-feira (13).

Em publicação nas redes sociais, a administração municipal pediu aos moradores da cidade, com o reforço do imunizante produzido pela Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz) marcado para esta semana, não compareçam aos postos de saúde.

Segundo o município, não há doses suficientes para todo o público. “Informamos que estamos trabalhando para que a situação seja contornada o mais breve possível, aguardando que a Secretaria Estadual de Saúde encaminhe nova remessa de doses”. 

Na semana passada, a cidade também sofreu com a falta de estoque da AstraZeneca. Nem todos os cidadãos que tentaram se vacinar na quarta-feira (6) foram contemplados. No entanto, a SES enviou um novo lote na quinta-feira (7), sendo retomada a aplicação na sexta (8).

Questionada pela reportagem do Hoje em Dia, a Prefeitura de Esmeraldas não detalhou os motivos da falta de vacinas. A Secretaria de Estado de Saúde afirmou que foram enviadas aos municípios todas as unidades do imunizante recebidas até o momento, destinadas à aplicação de primeira e segunda dose.

Problema recorrente

Em 15 julho, Esmeraldas também paralisou a campanha de imunização por falta de doses. Na ocasião, informou que a interrupção ocorreu pela diminuição do número de unidades encaminhadas ao município pela pasta estadual. A aplicação ficou parada por duas semanas, sendo retomada apenas no dia 30 daquele mês.

Leia mais:

Compartilhar
Ediminas S/A Jornal Hoje em Dia.© Copyright 2022Todos os direitos reservados.
Distribuído por
Publicado no
Desenvolvido por