Três homens invadiram o Zoológico de Belo Horizonte, na Pampulha, durante a madrugada desta segunda-feira (14), com a intenção de arrombar o cofre do espaço. Após o fracasso em tentar realizar o roubo, os homens fugiram no carro do vigia do lugar, mas não conseguiram ir muito longe com o veículo, que tinha um dispositivo de segurança conhecido como “mata motor”.

De acordo com a Polícia Militar, por volta da 0h30, o vigia do Zoológico viu um homem se aproximar com arma em punho, dizendo que era para abrir o portão e não reagir. No momento em que o portão foi aberto, outros dois homens entraram no local, sendo que um deles trazia um pé de cabra.

Os assaltantes foram levados até o cofre, mas não conseguiram abri-lo. O grupo, então, decidiu fugir no carro do vigia, que estava estacionado atrás da guarita. Antes de sair, eles pegaram um rádio comunicador e umas moedas que estavam dentro de uma gaveta.

Ao sair, os bandidos se depararam com uma unidade do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), que fica no Zoológico e estava saindo para um atendimento. O grupo, então, exigiu que o motorista da ambulância entregasse a chave do veículo.

Poucos minutos depois, a PM recebeu a informação de que o carro do vigia havia sido abandonado em outro ponto da avenida Otacílio Negrão de Lima. Foram feitas buscas, mas os suspeitos não foram localizados. Ninguém ficou ferido.