Um bebê de seis dias de vida é salvo pelo Corpo de Bombeiros, após ficar engasgado com leite, na noite dessa segunda-feira (24), em Montes Claros, no Norte de Minas.

Enquanto a guarnição dos bombeiros se deslocava para o local, o atendente da Sala de Operações do Corpo de Bombeiros, cabo Francisco, passava orientações de manobras de desobstrução por telefone para a mãe do bebê, de 35 anos de idade. Em seguida, as instruções eram repassadas pela mãe ao pai da criança, que executava os procedimentos.

De acordo com o Corpo de Bombeiros, a mãe do bebê informou, durante a chamada de emergência, que a criança estava com obstrução total das vias aéreas, mas após iniciar os procedimentos indicados por telefone, o casal conseguiu desobstruir parcialmente as vias respiratórias do menino.

Ainda de acordo com o militar, com a chegada dos bombeiros ao local, foi dada a continuidade do socorro ao bebê, que foi levado para a Santa Casa de Montes Claros, onde deu entrada consciente e ficou sob os cuidados do médico de plantão.

Segundo os bombeiros, não são raras as vezes que esse tipo de ocorrência acontece, daí a importância de uma ação "rápida e certeira".

A corporação parabenizou a atuação do cabo Francisco, pelo profissionalismo na condução dos primeiros socorros e aos pais do bebê pela tranquilidade na recepção e execução das manobras de desobstrução, o que resultou no salvamento da criança.