A partir de quinta-feira (23), estudantes da rede municipal de Betim, na Grande BH, começam a receber cestas básicas em substituição à merenda escolar. Por causa da pandemia do novo coronavírus, os alunos estão com as aulas suspensas desde março e sem previsão de retorno.

Por isso, a prefeitura decidiu entregar mantimentos para as famílias dos estudantes. Têm direito ao benefício todos os 59 mil alunos matriculados na rede municipal, que incluem centros infantis (CIMs), creches parceiras e estudantes da modalidade Educação para Jovens e Adultos (EJA).
  
Para retirar o kit, não é preciso fazer cadastro. De acordo com o executivo, basta os pais ou responsáveis comparecerem às escolas onde os filhos estão matriculados nos dias previamente determinados. Confira o calendário de entrega abaixo:

Dia 23, das 8h às 16h: Escolas das regiões do Vianópolis, Citrolândia, Petrovale e Icaivera
Dia 24, das 8h às 16h: Escolas das regiões do PTB e Teresópolis
Dia 25, das 8h às 16h: Escolas das regiões do Imbiruçu
Dia 27, das 8h às 16h: Escolas da região Norte
Dia 28, das 8h às 16h: Escolas da região do Alterosas
Dia 29, das 8h às 16h: Escolas da região Centro
Dias 30 e 31 de julho e 1º de agosto: CIMs e creches conveniadas de todas as regionais

Os pais terão três dias para retirar às cestas básicas. Nas instituições de educação, eles devem apresentar um documento de identidade com foto.

O kit é composto por 3kg de arroz, 2kg de açúcar, 1kg de farinha de trigo, 900ml de óleo, 2kg de canjiquinha, 500g de macarrão espaguete, 500g de macarrão Padre Nosso, 500g de macarrão parafuso, 400g biscoito Maisena, 1kg de sal, 2kg de feijão e 125g de sardinha.

Leia mais:
Covid-19: pacientes oncológicos devem manter uso de máscaras mesmo após flexibilização do isolamento
PBH só vai liberar atividades após melhora de índices, diz Kalil
Nem liminar judicial garante reabertura imediata de bares e restaurantes em BH