A Polícia Federal (PF) deflagrou, na manhã desta quarta-feira (20), uma operação em nove Estados e no Distrito Federal para desarticular uma quadrilha especializada em tráfico internacional de drogas. Em Belo Horizonte, Operação Wanderlust cumpriu dois mandados de prisão e dois de busca e apreensão.

O foco da ação é uma organização criminosa especializada no envio de cocaína para a Europa através de aeroportos internacionais do país e no tráfico de haxixe para o Brasil. De acordo com a PF, são cumpridos 40 mandados de prisão e 40 de busca e apreensão em Minas, Rio Grande do Sul, Santa Catarina, Paraná, São Paulo, Rio de Janeiro, Mato Grosso, Paraíba, Amazonas e no Distrito Federal. A maioria dos mandados estão relacionados a endereços em Caxias do Sul (RS) e Curitiba.

Também são executadas ordens judiciais para apreensão de 40 veículos, entre embarcações, caminhões, automóveis e motocicletas, além de um sequestro de bens com valor estimado em mais de R$ 10 milhões. Cerca de 10 quilos foram encontrados em um endereço em São José dos Pinhais, na Região Metropolitana de Curitiba.

De acordo com a PF, as investigações tiveram início em março e identificaram que a organização criminosa, a partir de Caxias do Sul e de Curitiba, recrutava mulheres em diversos estados do país para atuarem como “mulas” no transporte da droga para a Europa.

Após o início das investigações, foram realizados diversos flagrantes em aeroportos brasileiros e no exterior, com 25 pessoas presas em flagrante, seis delas em Lisboa. No total, quase duas toneladas de drogas foram apreendidas. O destaque foi para a interceptação de uma carga de 1,6 tonelada de haxixe que estava em um veleiro que havia saído de João Pessoa com destino ao Marrocos. Conforme a PF, essa foi a maior apreensão dessa droga no Brasil já feita pela instituição.

O nome da operação faz uma associação com a ideia de viajar. De acordo com a PF, Wanderlust é uma palavra alemã que pode ser traduzida como um desejo intrínseco e profundo de viajar. É formada pela junção das palavras Wander, que corresponde à prática de caminhada ou trilha, e lust, que quer dizer luxúria ou vontade profunda.

Leia mais:
Ao vivo: STF julga compartilhamento de dados fiscais e bancários
Brumadinho: crime completa 300 dias com 254 mortos, 16 desaparecidos e 0 presos