Belo Horizonte aumentou, nesta quinta-feira (8), a capacidade de atendimento para pacientes em tratamento com a Covid-19. Foram abertos mais seis leitos, sendo cinco de enfermaria e um de terapia intensiva. 

Mas a ocupação de vagas continua em nível máximo de alerta, em vermelho. A taxa de leitos de UTI exclusivos na capital está em 93,1% somando os disponíveis nos hospitais públicos e privados. Já a de enfermaria, 75,3%.

Segundo a prefeitura, no último mês foram abertos 265 leitos de UTI-19 Covid na rede pública. 

Atualmente, são 570 unidades de terapia intensiva, totalizando o maior número de vagas desde o início da pandemia. Ainda em março, foram abertos 408 leitos de enfermaria destinados para o tratamento de pacientes com o novo coronavírus no SUS. 

Já na rede particular também houve incremento. Foram abertos cinco unidades de terapia intensiva e 15 de enfermaria.

Leia Mais:
'Chega de polêmicas sem planejamento', diz Kalil após Zema criticar ritmo de vacinação

Taxa de transmissão da Covid-19 em BH é a mais baixa registrada nas últimas três semanas
Câmara de BH aprova projeto de lei que coloca academias como atividades essenciais