Idosos com mais de 60 anos serão imunizados contra a gripe a partir desta terça-feira (11) em Belo Horizonte. A vacinação é gratuita e faz parte da segunda etapa da campanha nacional. A proteção de professores, antecipada na semana passada devido às aulas presenciais, também prossegue até 8 de junho.

Segundo a Secretaria Municipal de Saúde (SMSA), devem ser vacinados cerca de 34 mil docentes das redes pública e particular da capital. No momento da imunização, é necessário que seja apresentado um comprovante pelo profissional, como o contracheque ou declaração da escola.

Em relação aos idosos com mais de 60 anos, a expectativa é imunizar cerca de 450 mil belo-horizontinos. A meta, segundo a prefeitura da capital, é vacinar 90% do público-alvo. Por medida de segurança, pessoas que receberam a dose contra a Covid-19 precisam respeitar um intervalo mínimo de 14 dias.

Mais grupos imunizados

Na primeira fase da campanha, apenas 57 mil pessoas foram vacinadas, segundo a PBH. Ao todo, 281 mil deveriam ter sido imunizadas nesta etapa. Devido à baixa procura, a campanha segue em andamento.

Podem ser vacinadas crianças de 6 meses a 5 anos, gestantes e mães recentes e trabalhadores da saúde que atuam em hospitais (públicos, filantrópicos e privados), Samu, centros de saúde e UPAs.

"Mesmo com o fim do prazo para imunização do público da primeira fase, a qualquer momento da campanha os integrantes dos grupos já contemplados podem procurar um dos centros de saúde da capital, com exceção das Unidades 24h e dos locais de vacinação do público com comorbidades", informou a PBH, em nota.  

A imunização de professores, crianças, gestantes, puérperas e trabalhadores da saúde é realizada nos centros de saúde, no horário de rotina das salas de vacina, com exceção das nove Unidades 24h. Já a aplicação das doses para os profissionais de hospitais, UPAs e Samu segue nas unidades de saúde. Endereços e horários estão disponíveis neste link.

Próxima fase

A terceira fase será realizada de 9 de junho a 9 de julho. Serão contemplados integrantes das forças de segurança; pessoas com comorbidades, condições clínicas especiais ou com deficiência permanente; caminhoneiros; trabalhadores de transporte coletivo; portuários; detentos e funcionários de presídios e adolescentes que cumprem medidas socioeducativas.

Leia mais:
Segunda etapa da campanha de vacinação contra gripe começa nesta terça-feira
Campanha de vacinação contra gripe termina 1ª fase com 8% do público-alvo imunizado
130 mil professores estaduais devem ser vacinados contra Covid em Minas; primeiro, o ensino básico