Mais 19 pessoas morreram em Belo Horizonte por Covid-19 entre sexta-feira (7) e esta segunda-feira (10). Segundo o boletim epidemiológico da prefeitura, com as novas vítimas a capital chegou a 671 óbitos. Ao todo, foram registrados oficialmente 24.536 casos da doença na cidade. 

De acordo com o balanço, 97,9% dos mortos pela doença em BH apresentavam algum fator de risco. Apenas 14 vítimas não tinham comorbidades. Os dados apontam ainda que os idosos representam 82% das mortes, com 551 óbitos. Já a taxa de letalidade do vírus na capital é de 2,7%. O número médio de transmissão por infectado (Rt), que estava em 0,87, caiu para 0,85.

Ocupação de leitos

Além da queda no Rt, uma outra boa notícia no novo balanço é quanto à ocupação de leitos, que continua a cair. De acordo com a prefeitura, o uso total das UTIs públicas específicas para Covid-19 chegou a 79,7%. Se for levado em consideração as unidades intensivas particulares, esse número cai para 72,7%.  

Já em relação às enfermarias, a taxa de ocupação é de 49,1% na rede pública de saúde para leitos Covid-19 e, considerando-se os leitos particulares, essa taxa cai para 47,1%.

Leia mais:
Minas soma 155 mil infectados e 3.597 mortes por Covid-19
PBH analisa possibilidade de isenção de IPTU para comerciantes mais impactados pela pandemia
Bares estão funcionando com várias restrições em cidades do interior de Minas, diz secretário
Governo de Minas amplia público atendido pelo Bolsa Merenda; veja quem pode receber