Belo Horizonte confirmou a primeira morte de criança pela Covid-19, segundo o boletim epidemiológico divulgado nesta terça-feira (2). O levantamento não traz informações como detalhes do óbito e sobre a idade exata da vítima, mas apenas que ela está na faixa etária entre 1 e 4 anos.

Até agora, a capital mineira teve 91.419 casos confirmados da doença e 2.282 mortes provocadas pelo vírus. Na comparação com o levantamento anterior, a cidade somou mais 18 óbitos. Já o número de casos aumentou em 1.425.

No levantamento por regionais, a Noroeste segue com o maior número de mortes por Covid-19, com 305 registros, 25 a mais que a Nordeste (280). Na sequência, aparecem Oeste (272), Leste (259), Barreiro (258), Venda Nova (245), Centro-Sul (244), Pampulha (219) e Norte (200).

Indicadores em queda

O município começou o mês de fevereiro com dois dos indicadores de monitoramento do coronavírus em queda, o número médio de transmissão por infectado e leitos de enfermaria. Mas a taxa de ocupação de leitos de terapia intensiva, destinados a casos graves da Covid-19 ainda está alta e segue em alerta máximo.

Conforme o levantamento, o número médio de transmissão por infectado está em 0,89, o que indica que cada 100 pessoas infectadas transmitem o vírus a outras 89. Abaixo de 1 é considerado controlado. Essa é a menor taxa do Rt desde 12 de agosto do ano passado, quando o levantamento ficou em 0,87.

A taxa de leitos de enfermaria para Covid está em 55,2%. Já os leitos de UTI seguem em alerta com 72,6% de ocupação.

Imunização

BH já recebeu 192.570 doses de vacinas contra a Covid-19. Até agora, 63.828 pessoas foram imunizadas.

Fevereiro também foi marcado pela reabertura do comércio não essencial que inclui bares e restaurantes, além de academias e clubes. No caso dos bares e restaurantes, a venda de bebida alcoólica será permitida das 11h às 15h.

Essas atividades estavam fechadas desde 11 de janeiro, numa tentativa de frear a pandemia do coronavírus na cidade. 

A flexibilização prevê ainda a reabertura de museus, cinemas, teatros, salões de beleza, clínicas de estética e feiras.