Muita gente teve problemas ao pegar ônibus nesta terça-feira (29), mas tanto a BHTrans quanto o Governo do Estado garantem que as linhas da capital e do Sistema de Transporte Metropolitano vão operar de acordo com quadro normal de horários nesta quarta (30). Quem vir descumprimento no atendimento à população deve ligar para 3277-6500. É importante ter anotado o número do carro que está atrasado. 

Por meio de nota, o Sindicato das Empresas de Transporte de Passageiros de Belo Horizonte (SetraBH) reconheceu que algumas empresas do sistema de transporte coletivo de Belo Horizonte não conseguiram cumprir o quadro de horários por não ter combustível suficiente para a operação prevista. O sindicato afirma que o cumprimento foi de 100% apenas nos horários de pico e foram realizadas 20.329 viagens durante todo o dia, diversas delas remanejadas para reforçar o atendimento aos usuários do metrô.

Segundo a BHTrans, alguns veículos foram remanejados nesta terça para reforçar as viagens nas estações São Gabriel e Vilarinho, que tiveram aumento do número de usuários por causa da greve do metrô. Outras linhas, como a que atende a Cidade Administrativa, foram canceladas em virtude do ponto facultativo decretado pelo Governo do Estado. O mesmo vai acontecer nesta quarta. O reforço das viagens nas estações que fazem integração com o metrô vai ocorrer no horário de pico.

Veja postagem da BHTrans desta quarta:

O Sistema de Transporte Metropolitano operará nesta quarta-feira com o quadro horários de dia útil. Na quinta-feira (31), feriado de Corpus Christi, os ônibus circularão com o quadro de horários de domingo. O transporte metropolitano de Belo Horizonte opera com uma frota de 2.643 veículos, 645 linhas e transporta uma média de 660 mil passageiros/dia, de acordo com o Governo de Minas.

Leia mais:
Passageiros relatam dificuldade para pegar ônibus nesta terça em BH
Paralisação dos metroviários da capital vai parar na Justiça
Trânsito é alterado no Centro de BH para o feriado de Corpus Christi
Greve dos metroviários afeta 150 mil usuários no primeiro dia e está mantida nesta quarta