Foi liberada às 10 horas desta terça-feira (7) a trincheira José de Souza Machado, que faz ligação da faixa exclusiva do Move da avenida Pedro I com a faixa exclusiva da avenida Vilarinho, em Venda Nova. 
 
Com o novo acesso, usuários do Move irão economizar de 3 a 8 minutos no trajeto, que antes era feito por meio de um desvio. "15 mil pessoas passam por dia por aqui. Com a trincheira, irão reduzir o tempo de viagem", destacou o superintendente de manutenções e implantação da BHTrans, José Carlos Mendanha Ladeira. Diariamente circulam no loca quatro linhas, que fazem 297 viagens. 
 
A aposentada Elisabeth Zoglio, de 82 anos, usuária do Move, considera que o trânsito irá melhorar com a trincheira. "Tem dia que o trânsito aqui fica impossível. Tem pequenos acidentes, motorista que encosta e acaba causando brigas. Acho que isso deve melhorar com a trincheira".
 
Por causa liberação, a rotatória entre as avenidas Vilarinho e Pedro I está sinalizada com faixas. A partir de quarta-feira (8), a rua Lagoa Santa voltará a operar no sentido rua Padre Pedro Pinto/Rua Maçon Ribeiro. 
 
O viaduto
 
A obra recebeu o nome de José de Souza Machado em homenagem ao proprietário do primeiro cartório de Venda Nova, falecido em 2011. "Ele contribuiu muito com o desenvolvimento de Venda Nova. É mais que justa essa homenagem, disse a viúva de José, Maria das Graças Fróes Machado.