Uma nova blitz de fiscalização de veículos pesados foi realizada nesta segunda-feira (29) no Anel Rodoviário e terminou com 18 veículos autuados com irregularidades. Durante a ação, foram parados na rodovia um total de 21 caminhões, o que indica que 85% de todos os veículos fiscalizados apresentavam problemas.

A informação foi divulgada pela Via 040, concessionária que administra o trecho, que participou da operação juntamente com a Polícia Militar Rodoviária (PMRv). "Essa é a 18ª blitz minuciosa de caminhões e carretas nesse trecho da via. As abordagens serão frequentes e visam à redução dos riscos relacionados ao tráfego de veículos em condições inadequadas", diz nota divulgada pela empresa. 

Entre os principais problemas constatados estão: seis veículos com pneus em estado ruim de conservação; quatro veículos com problemas elétricos;  quatro problemas de documentação; um veículo com problema de lacre na placa; um veículo com placa encoberta; um condutor não habilitado. 

Nas outras edições desta blitz específica para veículos de carga, realizadas desde dezembro de 2017, já foram fiscalizados 793 veículos e lavradas um total de 544 autuações de trânsito. Durante a blitz, enquanto os policiais da PMRv cuidam da verificação da documentação e outros aspectos criminais, os fiscais da concessionária fazem um “pente-fino” na parte mecânica e elétrica dos veículos.

Nesta busca mais minuciosa são verificados, por exemplo, o estado das bandagens internas dos pneus, itens de difícil avaliação apenas pela inspeção visual. Também é verificada a cuíca do freio, os grampos da carroceria, mangueiras de ar, entre outras coisas. 

Leia mais:
Idoso é atropelado e quase tem perna amputada por caminhão desgovernado no Barreiro
Homem perde controle, atropela e mata pedestre no Anel Rodoviário, em BH
Carreta com defeito fecha o trânsito no Anel Rodoviário na noite desta segunda