Um homem, que não teve a idade confirmada, foi socorrido pelo Corpo de Bombeiros na tarde desta sexta-feira (6) após fugir algemado de uma viatura da Polícia Militar (PM) e pular no ribeirão Arrudas, na altura do bairro Santa Efigênia, na região Leste de Belo Horizonte. O Hoje em Dia recebeu fotos que mostram a vítima caída no leito do corpo d'água e a assessoria de imprensa dos bombeiros confirmou o resgate do fugitivo. 

De acordo com a corporação, três viaturas foram empenhadas no local, que fica próximo ao Boulevard Shopping. Foram usadas cordas para acessar o local e fazer a retirada do homem, que estava ferido por conta da queda.

CAÍDO RIBEIRÃO ARRUDAS
O fugitivo ficou ferido após a queda e precisou ser resgatado pelo Corpo de Bombeiros

O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) foi acionado para dar apoio, mas o fugitivo acabou encaminhado para o Hospital de Pronto-Socorro (HPS) João XXIII por uma unidade de resgate dos bombeiros.

Porém, como os bombeiros só foram acionados para dar apoio em uma ocorrência da PM, a assessoria não soube precisar a idade ou identificação do suspeito. 

Furto e quase linchamento

Entretanto, informações não oficiais repassadas por um policial - que não quis ser identificado - indicam que o homem que se jogou no ribeirão Arrudas havia sido detido por um furto ocorrido no Centro da capital mineira. Segundo a fonte, após roubar um celular, o suspeito foi perseguido pela vítima e agredido por pessoas que passavam pela região.

Uma viatura da PM chegou e evitou o linchamento. Feridos por conta das agressões, eles teriam sido levados para a Unidade de Pronto-Atendimento (UPA) Centro-Sul. Ao chegar na unidade de saúde, um deles então aproveitou para sair correndo, descendo a rua Ceará correndo enquanto era perseguido pelos militares. Ao chegar na avenida dos Andradas ele resolveu então pular no leito para tentar escapar dos policiais.

Diante destas informações, o Hoje em Dia entrou em contato com a assessoria de imprensa da PM na tentativa de confirmar os dados não oficiais. Foi localizada uma ocorrência semelhante, em que dois suspeitos, de 22 e 23 anos, furtaram o celular de um motorista de aplicativo de transporte e acabaram sendo perseguidos e agredidos por populares na região central. 

Porém, o registro policial em nenhum momento cita a tentativa de fuga com queda no ribeirão e, por isso, não foi possível confirmar se tratava-se da mesma ocorrência atendida pelo Corpo de Bombeiros. 

Leia mais:
Corpo é encontrado boiando com duas perfurações na cabeça no ribeirão Arrudas
Explosão de gás destrói barracão de morador de rua e interdita ponte na avenida dos Andradas
Homem cai no Arrudas ao fugir de tiros, se finge de morto e escapa de homicídio em BH
Mulher é vista se debatendo no ribeirão Arrudas e acaba morrendo após ser resgatada

Confira outras imagens da situação: