Brasil bate recorde de registro de microempreendedor durante a pandemia, especialista dá dicas

Maria Amélia Ávila
mvarginha@hojeemdia.com.br
31/01/2021 às 11:12.
Atualizado em 05/12/2021 às 04:03
 (Divulgação)

(Divulgação)

A pandemia do novo coronavírus e a alta taxa de desemprego no Brasil impulsionaram a abertura de novos pequenos negócios no país. O número de registro de Microempreendedor Individual (MEI) criado em 2020 foi de 2,6 milhões, segundo dados do Sebrae, um recorde histórico.

Comércio varejista de vestuário e acessórios; promoção de vendas; cabeleireiros, manicure e pedicure; fornecimento de alimentos para consumo domiciliar e obras de alvenaria foram as atividades com o maior número de MEI criados.

O especialista em planejamento estratégico, inovação, empreendedorismo e competitividade, Maurício Morais, conversa com a repórter Maria Amélia Ávila sobre o cenário positivo do empreendedorismo no Brasil, neste domingo (31), ao meio-dia. A live será transmitida pelo Instagram do Hoje em Dia.      

Compartilhar
Ediminas S/A Jornal Hoje em Dia.© Copyright 2022Todos os direitos reservados.
Distribuído por
Publicado no
Desenvolvido por