Um homem de 41 anos morreu esfaqueado na Praça 7, no hipercentro de Belo Horizonte, após se envolver em briga por um nunchaku - arma de artes marciais que ficou conhecida por ser usadas nos filmes de Bruce Lee. Um casal de artesãos foi preso em flagrante e, conforme a Polícia Militar (PM), admitiu o crime.

A confusão foi por volta das 20h. Câmeras do circuito de segurança de um prédio na rua Rio de Janeiro registraram o caso. Nas imagens é possível ver a vítima com o nunchaku nas mãos e o suspeito, de 27 anos, fazendo movimento de artes marciais.

A esposa do suspeito, de 39 anos, desfere uma paulada na cabeça da vítima. Em seguida, o companheiro dela pega uma faca e golpeia o pescoço do rival pelo menos quatro vezes.

Resgate
Depois de ser ferido, o homem foge com o nunchaku e vai em direção à Base Móvel da PM que fica na Praça 7. Lá, com o pescoço jorrando sangue, pede ajuda e caí. O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) foi acionado e encaminhou a vítima ao Hospital de Pronto-Socorro (HPS) João XXIII, que não resistiu aos ferimentos.

Prisão
Antes de registrar a ocorrência, os militares visualizaram as câmeras do Olho Vivo e viram o início da briga. No vídeo, a vítima joga cachaça e bate no rosto do suspeito, depois sai correndo.

Os PMs seguiram as marcas de sangue e descobriram o local onde o assassinato aconteceu. Lá, analisaram o outro equipamento de vídeo que registrou toda a ação. Com a identificaçao dos suspeitos, localizaram o casal escondido em Contagem, na Grande BH.

Os dois teriam admitido que a briga teve início por causa do nunchaku. Eles contaram que descartaram a faca durante a fuga. O casal foi levado para a Delegacia de Plantão de Contagem.

Atenção, as imagens abaixo são fortes e mostram cenas de violência.