Um cabo da Polícia Militar morreu, na tarde desta terça-feira (18), durante um teste de aptidão física na Academia de Polícia Militar de Minas Gerais (Acadepol), no bairro Prado, região Oeste de Belo Horizonte. 

De acordo com o porta-voz da corporação, major Flávio Santiago, o militar tinha uma ficha médica que atestava as condições físicas para que ele fizesse o exame. “Durante a atividade, na última volta, ele se sentiu mal e deitou no chão. O pessoal percebeu e começou imediatamente o atendimento médico. Lamentamos profundamente a perda de um colega, mas houve uma fatalidade”, explicou. O cabo chegou a ser socorrido para o Hospital Vera Cruz, no Barro Preto, mas não resistiu. 

Major Santiago também informou que a corporação é muito criteriosa com relação aos exames, com estrutura de apoio montada para suporte à atividade como médicos, enfermeiros e uma ambulância para o socorro em casos como o ocorrido nesta terça.