A partir da próxima segunda-feira (5), os pais ou responsáveis por crianças com idades entre 1 a 4 anos devem procurar os postos de saúde de Belo Horizonte para imunizar os filhos contra a poliomielite. De acordo com a prefeitura, a meta é imunizar 105 mil crianças. 

Além da gotinha capaz de evitar a paralisia infantil (VOP), outra campanha também será lançada para atualização do cartão de vacina. Por isso, crianças e adolescentes menores de 15 anos não imunizados ou com esquemas incompletos também devem comparecer até as unidades de saúde.

As duas campanhas, lançadas pelo Ministério da Saúde, vão ocorrer em todo o Brasil até o próximo dia 30. Na capital mineira, as vacinas disponíveis para atualização das cadernetas são: BCG, Pentavalente, Rotavírus, Hepatite A, Hepatite B, Meningo C, Meningo ACWY, Pneumo 10, Tríplice Bacteriana, Tríplice Viral, Varicela, Febre Amarela, HPV, Dupla Adulto e Tríplice Bacteriana tipo Adulto. 

"Essas vacinas serão aplicadas conforme a necessidade individual de imunização constatada", explicou a prefeitura. Para que os profissionais de saúde possam avaliar a situação das crianças e adolescentes, é fundamental que os responsáveis levem o cartão de vacinação. 

Os endereços e horários de funcionamento dos postos de BH podem ser acessados aqui. De acordo com a Secretaria Municipal de Saúde (SMSA), os espaços de vacinação têm entradas separadas dos demais atendimentos e os profissionais atendem somente na imunização. Por isso, não há risco de contaminação pela Covid-19.

"Todos foram orientados quanto à proteção e cuidados contra o novo coronavírus. Para entrada nas unidades de saúde é obrigatório o uso de máscaras. Em crianças até dois anos não é indicado o uso de máscara", destacou o órgão.

Sarampo em adultos

Adultos entre 20 e 49 anos também podem ser imunizados contra o sarampo. Para a proteção contra a doença são necessárias duas doses para quem tem até 29 anos de idade. 

A imunização contra sarampo de 20 a 49 anos é realizada com aplicação indiscriminada da vacina, ou seja, mesmo os que já têm o cartão em dia pode receber a vacina.