A Secretaria Municipal de Obras de Mariana, na Região Central do Estado, concedeu o alvará para a implantação do canteiro de obras na área conhecida como Lavoura, terreno escolhido pela comunidade de Bento Rodrigues para a construção do novo distrito. Esse é mais um passo no processo de reassentamento das famílias de Bento Rodrigues, distrito devastado pelo rompimento da barragem de Fundão em 2015.

No dia 27 de abril, a Superintendência de Projetos Prioritários da Secretaria de Estado de Meio Ambiente de Minas Gerais já havia liberado a instalação do canteiro de obras, que vai antecipar a construção dos escritórios e estruturas de apoio das empresas que irão executar as obras.

O próximo passo será concluir a obtenção dos documentos necessários para a formalização do pedido de licença ambiental. A partir do licenciamento começa a fase de construção das obras de infraestrutura da nova vila como pavimentação, drenagem, redes de esgoto, distribuição de água e de energia.

Leia mais:

Justiça Federal autoriza contratação da FGV para fazer diagnósticos sobre o desastre de Mariana
Atingidos por desastre em Mariana fazem acordo em audiência e vão receber parte das indenizações
Comissão externa da Câmara responsabiliza Samarco por desastre em Mariana
"Achei que ia morrer", relata sobrevivente de desastre em Mariana