A capacidade diária de testagem de casos de Covid-19 será ampliada em Minas. Atualmente, são realizados 700 exames a cada 24 horas. Segundo o secretário de Estado de Saúde, Carlos Eduardo Amaral, a expectativa é a de chegar a 8 mil. Porém, ainda sem prazo para isso acontecer. Parte da expansão será possível com três novos equipamentos cedidos pelo Ministério da Saúde.

A informação foi dada nesta segunda-feira (5). O titular da pasta acompanhou visita do ministro da Saúde, Eduardo Pazuello, ao Laboratório Central (Lacen) da Fundação Ezequiel Dias (Funed), em Belo Horizonte. O governador Romeu Zema também participou do evento.

Os aparelhos entregues pelo Ministério da Saúde possibilitam automatizar o processamento das amostras, que hoje é feito manualmente, com máquinas extratoras. "Vai permitir ao Estado e municípios que façam estratégias de testagem", frisou Pazuello.

O aumento da capacidade deve abranger toda a rede de laboratórios voltados para a testagem dos exames para Covid-19 no Estado. Atualmente são 16 unidades, incluindo o Lacen.

Carlos Eduardo Amaral disse, ainda, que a atual fase de combate à doença passa pelo ajuste do controle da enfermidade. Segundo ele, será iniciado o  rastreamento de contatos em parceria com as Unidades Básicas de Saúde (UBSs). "Vamos treinar todos os municípios para que todas as UBSs tenham condições de, identificando um caso sintomático, tenha condição de acompanhá-lo e acompanhar todos os que tiveram contato com ele. Havendo necessidade, exames serão feitos", explicou.

O secretário de Saúde destacou que o prazo de entrega dos resultados dos teste permanece 72 horas. 

romeu zema eduardo pazuello

Eduardo Pazuello esteve na Funed acompanhado do governador Romeu Zema

Vacinas

Durante a visita à Funed, Eduardo Pazuello informou que, nesta semana, a pasta irá conceder entrevista coletiva para detalhar as vacinas contra a Covid-19 em teste no Brasil. 

Aprovadas, as doses farão parte do Programa Nacional de Imunização (PNI). “O SUS (Sistema Único de Saúde) trata da vacinação para o país inteiro, não é para um ou outro Estado. (A vacina contra a Covid) Será distribuída para toda a população dentro das prioridades necessárias”, disse.

Leia Mais:
Teste de vacina contra a Covid-19 abrange voluntários fora da área da saúde
Teste mineiro de Covid: Fiocruz produz no Estado haste de coleta de material que pode baratear exame
Hospital das Clínicas e PBH criam programa para monitorar casos de Covid em idosos