A Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes) abriu nesta segunda-feira (6) as inscrições de projetos no edital do Programa de Combate às Epidemias. As inscrições são direcionadas aos alunos de Programas de Pós-Graduação (PPGs) que estudam epidemiologia, infectologia, microbiologia, imunologia, bioengenharia e bioinformática.

O prazo de inscrição é dia 30 de abril. Serão financiadas até 30 iniciativas. Serão até 18 bolsas para pós-doutorado e 12 para doutorado. Serão disponibilizados R$ 345 mil em custeio de verba de capital.

coronavírus

Inscrições são direcionadas aos alunos de Programas de Pós-Graduação (PPGs) que estudam epidemiologia, infectologia, microbiologia, imunologia, bioengenharia e bioinformática

O objetivo do programa é incentivar o desenvolvimento de estudos inovadores de prevenção, diagnóstico e estratégias terapêuticas para doenças infecciosas, seus agentes e vetores, além de contribuir para o desenvolvimento de equipamentos de Proteção Individual (EPI) para profissionais de saúde e de tecnologias e mecanismos para monitoramento, mapeamento e controle de surtos, endemias, epidemias e pandemias.

Segundo o consultor da Sociedade Brasileira de Infectologia, Julival Ribeiro, a iniciativa da Capes não é para o combate ao novo coronavírus, e sim para a prevenção de epidemias futuras. “Não sabemos quando teremos outra pandemia de gripe, mas ela virá. Investindo agora em projetos para estudar inquérito epidemiológico, desenvolvimento de diagnósticos e formas de tratamentos, entre outros temas, nossa Academia estará muito mais forte para dar respostas a futuras pandemias”.

Leia mais:
Capes lança programa de pesquisa de combate à epidemias
Ministério da Saúde e MPF discutem parcerias para combater Covid-19