Duas cargas avaliadas em mais de 2,6 milhões foram recuperadas em rodovias federais que cortam Minas Gerais.  Além das apreensões, a Polícia Rodoviária Federal (PRF) também prendeu um motorista, de 33 anos, que estava com uma identidade falsa, em um carro que não era dele.

Na BR-262, em Luz, no Centro-Oeste de Minas, os agentes pararam uma carreta com cerca de 315 mil maços de cigarros comprados no Paraguai. O motorista conseguiu fugir em direção a um matagal, quando notou a fiscalização, mas a carga, avaliada em mais de um R$ 1 milhão, foi deixada para trás, assim como o veículo, com placa de São Sebastião do Paraíso (MG).

Na BR-050, altura de Uberaba, no Triângulo Mineiro, foi recuperada uma carreta carregada com produtos eletrônicos avaliados em aproximadamente R$ 1,6 milhão de reais. A Scania, com placa de Goiás, havia sido roubada.

Após ser flagrado com a identidade falsa e um Renault Sandero, com placa de São Paulo, que não era de sua propriedade, um homem de 33 anos foi detido na BR-381. O flagrante ocorreu em Sabará, na Grande BH.